Ferrari Enzo 2002 by HotWheels Elite




Inspirado pela tecnologia da Formula 1, o Enzo reflecte mais de 50 anos de sucessos da Ferrari. Em homenagem ao fundador da companhia, foi baptizado Enzo Ferrari, sendo produzida uma série limitada tal como aconteceu com o 288GTO, o F40 e F50. Todos estes carros representam o constante empenho da Ferrari em produzir os carros de série mais exclusivos e tecnologicamente evoluídos. 
Transportar a tecnologia das pistas para a Estrada não é novidade, particularmente para a Ferrari. Até ao final dos anos 50, o Ferrari de competição era muito semelhante ao de estrada. Desde então, regras de segurança, custos de produção e utilização tornaram os carros de competição muito diferentes dos de estrada. O objectivo do Enzo foi fazer a ponte entre estes dois mundos. 

Como descrito por Luca de Montezemolo, “Reunindo o nosso espírito vencedor e o papel fundamental da competição, decidi que este carro, que representa o melhor que tecnologicamente conseguimos produzir, deveria ser dedicado ao fundador da companhia, que sempre acreditou que a competição deve definir a base do que são os nossos carros de estrada.” 

Construído em Maranello e testado em Fiorano pelos pilotos Michael Schumacher e Dario Benuzzi, o Enzo tratou-se de um projecto que internamente era conhecido como FX, tendo custado o seu desenvolvimento 20 milhões de euro. O carro foi anunciado inicialmente em 2002 no Paris Motor Show e paralelamente a empresa contactou seus os clientes, especialmente os que tinham adquiridos os Ferrari F40 e F50 anteriormente, e conseguiu vender todos os 349 carros antes mesmo de que a produção começasse. 

Com uma produção prevista de 349 unidades, foram efectivamente produzidos 399 nas cores vermelha, amarela e preta. Para clientes muito especiais era possível costumizar a cor. As 50 unidades extra representaram um encaixe de 24.4 milhões de euro para a Ferrari, com um preço unitário de 487.700€. Com estes números a Ferrari provou que não só pode vender carros que custam meio milhão de euro, como podem também conseguir lucros consideráveis com a venda dos mesmos. 

Em 8 de Novembro de 2005 a Ferrari anunciou que iria produzir outra unidade do carro, a 400, sendo este doado ao Papa João Paulo II que com ele angariou 882.960€ para os sobreviventes do tsunami de 2004. 
Foi nomeado em 2004, pela Sports Car International, o número 3 da lista de melhores carros desportivos dos anos 2000 perdendo apenas para o Porsche Carrera GT e o Lamborghini Murciélago LP640. 
O Enzo é o reflexo de um período de grandes conquistas para a Ferrari, entre as quais, os quatro títulos consecutivos em Formula 1. Sem dúvida que Enzo Ferrari teria o maior orgulho nesta série limitada construída em sua honra. 

Marca: Ferrari 
Modelo: Enzo 
Ano Lançamento: 2002 

Motor 
Cilindrada (cc): 5998 
Potência máxima (cv/rpm): 659/7800 
Binário máximo (Nm/rpm): 657/5500 
Nº Cilindros: 12 
Válvulas por cilindro: 4 

Prestações 
Velocidade máxima (km/h): 350 
0-100 km/h (s): 3.65 

Transmissão 
Tipo: T 
Caixa: 6M 

Dimensões 
Comp./Larg. (mm): 4702/2035 
Distância entre eixos (mm): 2650 
Peso (kg): 1365 
Nº Portas: 2 
Depósito (l): 110

Este é um bom trabalho da HotWheels Elite com detalhes muito interessantes. O ponto alto está na minha opinião no motor, com detalhes em fibra de carbono. 













































































0 comentários: